Ano da Vitória


O ano de 2022 chegou e para nós será o ano da vitória. Mas, por quê? Porque é um tempo de gratidão, é um ano de ações de graças, de louvor, um ano de adoração porque somos mais do que vencedores.

Em 2021 vivenciamos a realidade de Romanos 8.35-39, que diz assim: “Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia; somos reputados como ovelhas para o matadouro. Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor”.

Também em 2021 entoamos a canção que fala: “Mas a luta vem e passa”, e quem nos capacitou a atravessar o ano que passou e colocar os pés de forma tão gloriosa em 2022 foi a graça do Senhor. Vivenciamos cada momento desses versículos de uma forma tão linda, experimentando de fato que “em todas estas coisas somos mais do que vencedores por meio daquele que nos amou”.

Não será um ano para, simplesmente, cruzar os braços e descansar, mas será um ano de conquistas, em que caminharemos de vitória em vitória, debaixo da graça do Senhor Jesus, começando em Belo Horizonte, passando por Minas Gerais, todo o Brasil e atingindo os confins da terra. Esse é o sonho do coração de Deus para todos nós!

Cantamos em 2021: “Vitória Deus dará a mim, eu sei”, mas vivenciaremos essa verdade agora, em 2022, não como uma expressão de esperança, mas como uma realidade. Para cada dia deste novo ano, vivenciaremos vitória, porque o nosso Senhor é o Deus da vitória. Aleluia!

:: Pr. Márcio Valadão

Copyrights © 2017 - - Lagoinha Santo André - Todos os direitos